Desenvolvido por:

(88) 9 9776 7362

© 2016 por "Fortaleza Sempre". Orgulhosamente criado com Go Gestor

OXALÁ! O FAVORITISMO DO FORTALEZA SE CONFIRME

14 Aug 2016

 

A rodada de ontem poderia ter sido melhor, evidentemente que se as duas partidas tivessem terminado empatadas. No primeiro jo0go o Salgueiro, demonstrando mais uma vez a sua falta de apetência para com seguir bons resultados, enquanto visitante, foi facilmente batido pelo América, por 2 x 0. Lembramos mais uma vez que o time pernambucano, na contingência de visitante, tem apenas a nona posição no grupo e a décima oitava na classificação geral..

 

O resultado foi excelente para o América que agora dista seis pontos do Cuiabá, o primeiro do Z-4 e quatro pontos do Confiança, o primeiro fora da zona de degola e ainda por cima, em pese ter a mesma pontuação do Salgueiro, 16 pontos, o superou na tábua de colocação pelo critério de saldo de gols (-2) contra (-3).  Para que tenhamos uma ideia da importância de uma vitória, o América, que vinha capenga e sorumbático, agora dista apenas três pontos da zona de classificação.

 

Na outra partida, cujo melhor resultado, do ponto tricolor seria o empate, o Botafogo venceu o Remo também por 2 x 0 e se manteve firme na segunda colocação, agora com os mesmos vinte e dois pontos do Fortaleza, embora tenha uma, embora tenha uma partida a mais. Dos males o menor, posto que se a vitória fosse do Remo, este teria superado o Fortaleza, indo para o primeiro lugar, com vinte e três pontos e um ponto a mais do que o Tricolor.

 

A roda tem prosseguimento hoje com três jogos, todos importantes, haja vista que temos sempre algo em disputa. O River recebe o ASA e necessita desesperadamente da vitória, para chegar os três pontos e sobrepujando o Confiança, que tem doze. Ficará ainda na torcida para que o time sergipano não vença o seu compromisso contra o ABC.

 

Para essa partida os experts em previsões matemáticas avaliam que o River é o favorito, com 46% de chances de sair vitorioso, enquanto o ASA tem 24%,  ficando a probabi9lidade de empate com 30%. Por vezes penso que os analistas estão equivocados, tendo em vista que o time alagoano, na condição de visitante, tem a segunda melhor campanha, com nove pontos e empatado, com o BOA, o primeiro, que assume essa posição pelos critérios de desempate.

 

A outra partida dar-se-á entre Confiança e ABC, o Confiança, que é o oitavo com doze pontos e dois a mais do que o primeiro da zona de degola, necessita da vitória para se afastar da zona maldita, pois iria a quinto e colocaria cinco pontos de distância, pelo menos momentaneamente, sobre o River. O ABC, o quinto posicionado, com dezenove pontos e um a menos do que o ASA, o quarto, vai em busca da vitória objetivando retornar ao G-4, de quem se afastou nas últimas duas rodadas.

 

Por fim temos a partida mais importante para a família tricolor, representado pelo confronto entre Cuiabá x Fortaleza. Para esta partida, consoante os especialistas em previsões matemáticas o Cuiabá tem 28% de probabilidades de sair vitorioso, o Fortaleza conta com 43% e o empate fica com 29%. O Fortaleza, na qualidade de visitante tem o maior grau de favoritismo com 43%, seguido de ABC com 33% e Salgueiro com 31%.

 

Oxalá falem pela boca de um anjo e o Tricolor consiga essa vitória, que é muito importante para a sua consolidação no grupo, sem falar que na classificação geral ficaria apenas a três pontos do Guarani, que já tem vinte e oito pontos sendo o detentor da melhor campanha da Série C. Todos sabem que torço ardentemente para que o Fortaleza se classifique bem, pois estou entre os que acreditam na força do mando de campo e da torcida tricolor.

 

O Cuiabá vem experimentando uma certa ascensão, tendo em vista que sob o comando do Roberto Fernandes fez três partidas, tendo obtido uma vitória e um empate de sofrido uma derrota. Empatou fora de casa com o Confiança em 1 x 1; Perdeu para o Remo por 2 x 0 fora de casa e venceu, em casa o Botafogo por 2 x 0. Somou 4 pontos e 9 possíveis, apresentando um percentual de produtividade de 45% que indica que se encontra em franca recuperação.

 

Nas últimas três partidas, que indicam a tendência de uma equipe, o Fortaleza empatou fora de casa com o River, em 1 x 1; cedeu um empate em casa ao Confiança, por 2 x 2 e venceu o América por 2 x 1. Amealhou 5 pontos em 9 possíveis apresentando um percentual de desempenho, um pouco melhor do que o do Cuiabá, de 55%.

 

O Tricolor enfrentou o Cuiabá fora de casa  em quatro oportunidades, empatando três, duas delas por 1 x 1 e uma por 0 x 0 e venceu outra, confortavelmente por 3 x 1. Somou 6 pontos em 9 possíveis, apresentando um percentual de desempenho  de 50% diante do time cuiabano. Evidentemente que o melhor resultado seria a vitória, mas um empate não pode ser descartado como um bom resultado e não estou pensando pequeno, penso com o regulamento debaixo do braço, que nos diz que somar pontos é sempre importante, principalmente fora de casa.

 

Por hoje cesta fini.

Please reload

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
POR TRÁS DO BLOG
Advíncula Nobre

Advíncula Nobre, colaborava com o site Razão Tricolor e quando esse encerrou, passei a colaborar com os Leões da Caponga, que também encerrou as atividades, quando então ainda residindo em Guarabira (PB), resolvi criar o site para publicar a Coluna do Nobre, que eu já publicava no Leões da Caponga. Isso aconteceu há cerca de 11 (onze) anos. Sou formado em História pela Universidade Estadual da Paraíba, turma de 1989 e funcionário aposentado do Banco do Brasil. Torço pelo Fortaleza Esporte Clube desde Outubro de 1960 e comecei a frequentar o Estádio Presidente Vargas, na condição de menino pobre na "hora do pobre". O estádio abria 15 minutos antes do término da partida para que os menos favorecidos tivessem acesso. Foi assim que comecei a torcer pelo Fortaleza. Morei em Guarabira (PB) por 27 anos e sempre vinha assistir a jogos do meu time. Guarabira (PB) dista 85 Km de João Pessoa capital Paraíbana e 650 km de nossa cidade Fortaleza (CE). Também morei em Patos (PB), Pau dos Ferros (RN), Nova Cruz (RN) União (PI) e Teresina (PI). Também cursei Administração de Empresas e Direito, em virtude de transferências, não terminei essas duas faculdades. Era o meu emprego e o pão de cada dia ou as faculdades.