Desenvolvido por:

(88) 9 9776 7362

© 2016 por "Fortaleza Sempre". Orgulhosamente criado com Go Gestor

SALGUEIRO O FAVORITO À ASCENSÃO

 

Consoante o site Chance de Gol, o Salgueiro, nosso próximo adversário, tem 91,9% de probabilidades de se classificar em segundo lugar para a próxima fase. No Grupo A da   Série C, em se tratando de pontos, tem os mesmos 3 pontos do Fortaleza, de quem ganha no saldo de gols (3 – 0).Perdeu fora de casa para o Confiança por 2 x 1 e venceu o Moto, em casa por 2 x 1.  O Fortaleza perdeu fora para o Remo por 1 x 0 e ganhou em casa do Botafogo, pelo mesmo placar.

 

Provavelmente esse prognóstico do site em questão tem embasamento no desempenho do Salgueiro no Campeonato Pernambucano em que disputa as finais com o todo poderoso Sport, com quem empatou no jogo de ida, em plena Ilha do Retiro em 1 x 1.

 

O  Salgueiro chegou à final deixando na poeira o Santa Cruz e o Náutico, que têm jogadores mais renomados e o que depreende que o seu forte esteja no conjunto, tendo em vista que não conta com nenhum jogador de renome. Ao que parece todos são garimpados na região. Dentre os mais conhecidos identificamos o Mondragon, o Toty, que atuou no Botafogo da Paraíba e o interminável Marcos Tamandaré, que já defendeu o Fortaleza.

 

Por vezes confesso que procuro entender a lógica que embasa essas previsões, mas não consigo entendê-la de forma racional. O CSA, por exemplo, que perdeu o título alagoano para o CRB, está sendo reputado como o pretenso melhor time da chave, com possibilidade de se classificar em primeiro lugar, com um percentual elevadíssimo de 91,9%.

 

O Fortaleza, que é apenas o sexto, consoante às previsões dos experts e a conclusão a que se chega é a de que, ou está muito ruim, ou o futebol alagoano se transformou, de uma hora para a outra, no  suprassumo do Nordeste. Fiquemos de orelhas em pé, pois de repente podem ter razão.

 

O Confiança que, em disputa com o Itabaiana, se sagrou campeão sergipano de 2017, está sendo considerado como o provável terceiro colocado na classificação final da primeira fase, . no entendimento dos especialistas, com 61,4% de probabilidades.

 

Provavelmente esse prognóstico, que coloca o Remo em quinto e o Fortaleza, em termos de ascensão à segunda fase,  em sexto, tem ligação com o fato dos dois clubes não terem se conduzido muito bem nos seus respectivos campeonatos. O Remo foi o segundo e o Fortaleza o terceiro.

 

Outra previsão interessante se relaciona com o número de pontos necessários para que uma equipe do Grupo A feche a fase em primeiro lugar. A estimativa inicial que, como sabemos vai diminuindo à medida que acontecem os confrontos diretos, é de que o primeiro colocado tenha que somar 42 pontos. O segundo poderia entrar com 33 pontos; o terceiro com 32 e o quarto com 31.

 

Considerando-se essa avaliação e esse prognóstico, temos que o primeiro colocado teria que apresentar um percentual de eficiência de um supercampeão. No ano passado o Boa Esporte se sagrou campeão somando 49 pontos em 72 possíveis, apresentando um percentual de desempenho de apenas 60%. Essa é uma prova cabal de que não podemos dar muito crédito a essas previsões iniciais.

 

O Grupo B, de onde sairá o adversário do Tricolor, se este eventualmente se classificar, como esperamos, consoante os prognósticos dos especialistas, terá como classificados: Botafogo (SP), 95,5% de chances; São Bento, 84.1%; Joinville, 79,5% e Volta Redonda, 67,9%. Muito cedo para opinar? Muito cedo, entretanto o Joinville é um clube tradicional e o Botafogo (SP), não ascendeu por muito pouco. Grandes as possibilidades de que estejam  entre os quatro primeiros.

 

Assim como Moto (73,7%) e Sampaio Corrêa (49,4%), no Grupo A, são  os time mais cotados para cair, no Grupo B, as equipes candidatas à degola são, Mogi Mirim (61,9%) e Macaé (54,6%). No ano passado, Mogi e Macaé escaparam no pau do canto, pois fizeram menos ponto do que o América (RN), o primeiro rebaixado. Água mole em pedra dura, tanto bate até que fura.

 

Por hoje c’est fini.  

 

 

 

 

Please reload

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
POR TRÁS DO BLOG
Advíncula Nobre

Advíncula Nobre, colaborava com o site Razão Tricolor e quando esse encerrou, passei a colaborar com os Leões da Caponga, que também encerrou as atividades, quando então ainda residindo em Guarabira (PB), resolvi criar o site para publicar a Coluna do Nobre, que eu já publicava no Leões da Caponga. Isso aconteceu há cerca de 11 (onze) anos. Sou formado em História pela Universidade Estadual da Paraíba, turma de 1989 e funcionário aposentado do Banco do Brasil. Torço pelo Fortaleza Esporte Clube desde Outubro de 1960 e comecei a frequentar o Estádio Presidente Vargas, na condição de menino pobre na "hora do pobre". O estádio abria 15 minutos antes do término da partida para que os menos favorecidos tivessem acesso. Foi assim que comecei a torcer pelo Fortaleza. Morei em Guarabira (PB) por 27 anos e sempre vinha assistir a jogos do meu time. Guarabira (PB) dista 85 Km de João Pessoa capital Paraíbana e 650 km de nossa cidade Fortaleza (CE). Também morei em Patos (PB), Pau dos Ferros (RN), Nova Cruz (RN) União (PI) e Teresina (PI). Também cursei Administração de Empresas e Direito, em virtude de transferências, não terminei essas duas faculdades. Era o meu emprego e o pão de cada dia ou as faculdades.