Desenvolvido por:

(88) 9 9776 7362

© 2016 por "Fortaleza Sempre". Orgulhosamente criado com Go Gestor

CSA PODE ENTRAR EM CAMPO DOMINGO PARA ENFRENTAR O FORTALEZA JÁ CLASSIFICADO

24 Aug 2017

 CSA - Sonhando com a classificação antecipada

 

O CSA está calculando que no próximo domingo, quando adentrar no gramado do Castelão para enfrentar o Fortaleza poderá já está com a classificação assegurada para a próxima fase. Para que isso venha a ocorrer o Salgueiro terá que ser derrotado,  em casa,  pelo Sampaio Corrêa e o Cuiabá terá que perder ou empatar com o ASA, em embate  que será travado em Arapiraca.

 

O que temos de certo é que tanto o CSA, quanto o Fortaleza, ao entrarem em campo no próximo domingo,  no Castelão, às 19:15, já terão ciência dos resultados dos outros quatro confrontos, os quais podem, inclusive ser favoráveis aos dois clubes, isto porque os resultados que beneficiam ao CSA também favorecem ao Fortaleza.

 

Vamos supor, então,  que a combinação desejada pelo CSA se concretize e que o Fortaleza, conforme esperamos, e sempre esperamos, vença ao próprio CSA; o Remo vença o seu confronto com o Moto e o Cuiabá, o rei dos empates, fique na igualdade com o ASA, chegando ao décimo segundo empate e ainda o Botafogo, que recebe em caso o Confiança, saia vencedor, todos resultados passíveis de ocorrer. Como ficaria então a nova configuração?

 

O Sampaio dispararia na frente com 31 pontos; o CSA se manteria com 27; o Fortaleza chegaria aos 26 e Salgueiro, Cuiabá e Botafogo ficariam com 20 pontos. O CSA se classificaria, pois ficaria com 7 pontos à frente do quinto colocado e faltando apenas 6 a serem disputados. O Fortaleza necessitaria de um ponto no confronto fora de casa contra o Confiança e o Remo, com 24, ainda ficaria à mercê de Salgueiro, Cuiabá e Botafogo, na disputa pela quarta vaga, disputa que poderá se estender até à última rodada. A bem da verdade essa seria a combinação dos sonhos para o Fortaleza.

 

O resultado mais difícil de ocorrer, no meu ponto de vista, diz respeito ao Salgueiro x Remo, em que o Salgueiro necessita vencer para continuar vivo na luta pelo G-4 e o Sampaio não pode dormir sobre os louros da classificação, isto porque terá um confronto direto com o Remo e outro com o Botafogo, em que o time paraibano, tanto pode estar aspirando o G-4, como lutando para não cair sendo, por conseguinte, um páreo duro.

 

Ademais, além desse confronto fora de casa com o Salgueiro, que luta pelo G-4, o Sampaio ainda enfrentará o Cuiabá, nos domínios do adversário,   o qual alimenta as mesmas aspirações que o time salgueirense. Todo esse cenário torna a disputa entre essas equipes que lutam pela classificação e por posições mais alvissareiras no G-4, muito imprevisível.

 

 

 

Embora não sendo matemático, por todos esses ingredientes, cenários e atores, eu arriscaria afirmar que, nas condições atuais, a probabilidade é a de que Sampaio, CSA, Fortaleza e Remo sejam os classificados ao final desta fase. Evidentemente que com relação ao Fortaleza, se faz premente que o mesmo vença o CSA, para que possa ficar mais perto da classificação e para que esta não venha a ocorrer de forma dramática.

 

Vencendo o confronto com o CSA e não estou pecando por excesso de otimismo, o Tricolor tem   amplas possibilidades de lutar pela segunda ou primeira colocação, isto porque CSA e Sampaio têm compromissos dificílimos pela frente e com clubes que, ou estão no G-4,  ou brigando para entrar.

 

O Sampaio se defrontará com Salgueiro e o Remo, fora de casa, em que o Salgueiro luta pela quarta posição do G-4 e o Remo para preservá-la e em casa recebe o Botafogo, que tanto pode estar brigando pelo G-4, como para fugir do rebaixamento sendo, pois, um embate que definirá posições.

 

O CSA sai para enfrentar o Fortaleza, recebe o Salgueiro em casa, que briga pelo G-4 e foi um dos times que mais evoluíram na segunda metade do grupo e na última rodada final vai a Cuiabá, enfrentar uma equipe que, similarmente ao Botafogo, poderá estar lutando por uma vaga no G-4, ou contra o descenso. Nas duas situações o Fortaleza pode tirar proveito. Oxalá!

 

Por hoje c’est fini

 

Advíncula Nobre

 

 

Please reload

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
POR TRÁS DO BLOG
Advíncula Nobre

Advíncula Nobre, colaborava com o site Razão Tricolor e quando esse encerrou, passei a colaborar com os Leões da Caponga, que também encerrou as atividades, quando então ainda residindo em Guarabira (PB), resolvi criar o site para publicar a Coluna do Nobre, que eu já publicava no Leões da Caponga. Isso aconteceu há cerca de 11 (onze) anos. Sou formado em História pela Universidade Estadual da Paraíba, turma de 1989 e funcionário aposentado do Banco do Brasil. Torço pelo Fortaleza Esporte Clube desde Outubro de 1960 e comecei a frequentar o Estádio Presidente Vargas, na condição de menino pobre na "hora do pobre". O estádio abria 15 minutos antes do término da partida para que os menos favorecidos tivessem acesso. Foi assim que comecei a torcer pelo Fortaleza. Morei em Guarabira (PB) por 27 anos e sempre vinha assistir a jogos do meu time. Guarabira (PB) dista 85 Km de João Pessoa capital Paraíbana e 650 km de nossa cidade Fortaleza (CE). Também morei em Patos (PB), Pau dos Ferros (RN), Nova Cruz (RN) União (PI) e Teresina (PI). Também cursei Administração de Empresas e Direito, em virtude de transferências, não terminei essas duas faculdades. Era o meu emprego e o pão de cada dia ou as faculdades.