Desenvolvido por:

(88) 9 9776 7362

© 2016 por "Fortaleza Sempre". Orgulhosamente criado com Go Gestor

CADA TRABALHADOR É DIGNO DO SEU SALÁRIO

13 Sep 2017

 

O custo Fortaleza gira em torno de R$. 1.000.000,00/mês, não havendo nada de anormalidade neste montante, considerando-se que estamos falando de um time grande, que deveria ter um orçamento muito maior e investir mais no futebol, se não fora as dificuldades desses oito anos na Série C, em que o time vem sobrevindo graças ao apoio inconteste da sua torcida e de alguns abnegados tricolores que, silenciosamente e sem muito alarde,  vêm suprindo as demandas financeiras do clube.

 

Deparamo-nos diariamente com pessoas que não conhecem o Fortaleza e que, por vez não investem um tostão no clube e que insinuam que existe, no mesmo muitas  coisas erradas, isto porque algumas contas têm sido aprovadas com ressalvas. O que posso afirmar é que nos últimos anos tenho presenciado a maioria dos presidentes tricolores serem imolados e terem a honra posta em dúvidas pelo simples fato de, cada um ao seu modo, e com as suas posses,  terem tentado salvar o clube.

 

Para os que cobram transparência eu diria que no Fortaleza, mesmo que o cidadão tivesse a índole duvidosa, não conseguiria pôr em prática os seus instintos delituosos, simplesmente porque não tem o que roubar. Perguntamos: Como roubar um clube que desde 9 de outubro de 2016 não teve mais nenhum tostão de renda advinda das bilheterias? Só pessoas insanas fazem esse tipo de conjetura.

 

Para que tenhamos uma ideia das dificuldades do Fortaleza, basta que se diga que desde à data citada o clube teve arrecadações brutas abaixo da média, lembrando que da renda de uma partida, cerca de 60% são direcionados às despesas, de modo que podemos afirmar que a renda de uma partida é dividida por três.

 

Pois bem, desde à data citada, que perfaz 339 dias,  o Fortaleza teve as seguintes rendas brutas de bilheterias: Campeonato Cearense: R$. 865.644,00; Série C: R$. 777.069,00 e Copa do Nordeste: R$. 164.606,00. Na Copa do Brasil foi eliminado fora de casa no primeiro jogo e na Taça dos Campeões os portões foram fechados.  Essas rendas totalizaram R$.  1.807.317,00.

 

Aplicando 40% sobre esse montante de R$. 1.807.317,00, que correspondem à renda líquida auferida pelo Tricolor,  no ano em curso,  chegamos ao valor de R$. 722.926,80, insuficientes para cobrir um mês do “Custo Fortaleza”, como dissemos, em torno de R$. 1.000.000,00, em média.

 

Conclui-se, por esses vieses, que o Fortaleza é um clube muito forte, exatamente pelos fatores que elencamos e que, graças à  conjunção dos quais:  Torcida, tricolores abnegados, patrocinadores e sócios torcedores, tem conseguido sobreviver às vicissitudes e continuar firme na cmainhada. Fosse um clube que não tivesse todo esse suporte, já teria sucumbido.  

 

Por essa razão,  mais uma vez aplaudimos e mais do que isso, ovacionamos essa torcida que por vezes tem andado cabisbaixa e macambúzia, mas que sempre encontra forças para levantar a cabeça e recomeçar à luta em prol do time do coração. Vou repetir o que sempre tenho dito:  “Quem tem uma torcida dessas tem em mãos um tesouro, já lapidado e de valor incomensurável”.

 

Oficialmente já chegamos em dois dias à casa dos 18.000 ingressos. É por demais importante que a Nação Tricolor esgote toda a carga de ingressos posta à sua disposição, pois com esse dinheiro o clube reunirá condições para gratificar os jogadores pela ascensão. Ação necessária e imprescindível, isto porque,  conforme demonstramos,  o Fortaleza, desde outubro do ano passado vem passando por inúmeras dificuldades financeiras. 

 

Alguém pode retrucar que os atletas já recebem bons vencimentos e que por isso conquistar a ascensão é uma obrigação. Eu redarguiria usando os ensinamentos bíblicos para dizer que “cada trabalhador é digno do seu salário” e a ascensão à Série B não tem preço e por isso devemos contribuir com o “bicho” dos nossos atletas, proporcionando ao Tricolor uma boa renda, que lhe permita arcar com essa despesa adicional e necessária.

 

PENSAMENTO DO DIA - Acredite em si próprio e chegará um dia em que os outros não terão outra escolha senão acreditar com você. (Cynthia Kersey).

 

Por hoje c’est fini.  

 

   

Please reload

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
POR TRÁS DO BLOG
Advíncula Nobre

Advíncula Nobre, colaborava com o site Razão Tricolor e quando esse encerrou, passei a colaborar com os Leões da Caponga, que também encerrou as atividades, quando então ainda residindo em Guarabira (PB), resolvi criar o site para publicar a Coluna do Nobre, que eu já publicava no Leões da Caponga. Isso aconteceu há cerca de 11 (onze) anos. Sou formado em História pela Universidade Estadual da Paraíba, turma de 1989 e funcionário aposentado do Banco do Brasil. Torço pelo Fortaleza Esporte Clube desde Outubro de 1960 e comecei a frequentar o Estádio Presidente Vargas, na condição de menino pobre na "hora do pobre". O estádio abria 15 minutos antes do término da partida para que os menos favorecidos tivessem acesso. Foi assim que comecei a torcer pelo Fortaleza. Morei em Guarabira (PB) por 27 anos e sempre vinha assistir a jogos do meu time. Guarabira (PB) dista 85 Km de João Pessoa capital Paraíbana e 650 km de nossa cidade Fortaleza (CE). Também morei em Patos (PB), Pau dos Ferros (RN), Nova Cruz (RN) União (PI) e Teresina (PI). Também cursei Administração de Empresas e Direito, em virtude de transferências, não terminei essas duas faculdades. Era o meu emprego e o pão de cada dia ou as faculdades.