Desenvolvido por:

(88) 9 9776 7362

© 2016 por "Fortaleza Sempre". Orgulhosamente criado com Go Gestor

SEJA SÓCIO - O FORTALEZA PRECISA DE VOCÊ AGORA!

13 Nov 2017

 

O Fortaleza, com certeza não programou essa interatividade constante com   grande média nacional, que reputamos como salutar, pois o nordestino e mais particularmente o cearense, via de regra, é ignorado pela grande imprensa, que somente o destaca em acontecimentos desabonadores, como por exemplo, quando ocorrem brigas de torcidas.

 

Poderiam enaltecer o nosso futebol evidenciando o fato de que o Fortaleza, confinado na Série C durante oito anos, mesmo assim, ainda é o décimo terceiro em média de público, superando oito clubes da Série A; 19 da Série B e 19 da Série C. O Oeste, por exemplo, para citar um time de São Paulo, na Série B e lutando para ascender á Série A,  é apenas  o quinquagésimo em média de público.

 

Não noticiam o fato de o Fortaleza, graças à força da sua torcida, supera em média de público os seguintes clubes da Série A: Vasco, Santos, Coritiba, Sport, Vitória, Goiás, Ponte Preta e Figueirense e, em se tratando de Série B, perde apenas para o Internacional, mas suplanta, por exemplo, o nosso rival, que está prestes à ascender à Série A. Estivesse o Fortaleza nesta situação e estaria sutado em os cinco primeiros.

 

Alguns críticos estão censurando o Tricolor por fazer uma grande recepção ao Rogério Ceni e por estar valorizando o seu quadro de sócios, que têm prioridade na apresentação. Ora,  o Fortaleza fez grandes recepções para outros ilustres contratados, como Geraldo e Angelim e por que não deve receber   bem um treinador de expressão internacional e que levou o clube aos píncaros da fama e da mídia?

 

Outra crítica é porque o Tricolor vai cobrar ingresso, de quem não for sócio a R$. 30,00. Reconheço que estamos numa situação difícil, em termos econômicos, isto porque quebraram o Brasil e continuam quebrando, vez que,  quando se tratou de roubar o   país, independentemente da sigla, todos se aliaram e a vão se aliar ainda para as próximas eleições.

 

Por tudo isso a situação está complicada até porque os que já foram aliados e que hoje não se bicam, ou não se acariciam, amanhã estarão arrulhando juntos, mas esta é a política nacional de corruptos, que afeta o bolso do torcedor,  porque os nossos recursos foram utilizados para a construção de arenas, algumas das quais superfaturadas, que não é o caso do nosso Castelão que, na verdade, quase não servem aos fins para os quais foram construídas.

 

Adentramos nessa área não para falamos de ideologia política, porque calejado como estou e decepcionado com políticos, nos quais acreditei um dia, hoje tenho o Brasil como ideologia e me alinho contra a corrupção, mormente no futebol. Não sou da esquerda e nem da direita, sou o Brasil.

 

Dado à essa situação temos que reconhecer que fica difícil de se associar, contudo, o Fortaleza tem um plano de sócio dos mais módicos, custando apenas R$. 39,99, praticamente do preço de uma entrada para uma única partida. Para que tenhamos uma ideia de como praticamos os menores preços do país e evidentemente que nos reportamos aos centros mais evoluídos, vejamos os preços médios praticados pelos diversos clubes brasileiros:

 

No eixo Sul/Sudeste: Palmeiras, R$. 61,00; Corinthians, R$. 54,00; Grêmio, R$. 38,00; Cruzeiro,     R$. 36,00 e  Internacional, R$. 25,00. No Nordeste: Bahia, R$. 26,00; Sport, R$. 21,00 e Fortaleza, R$. 16,00, donde se conclui que os preços praticados pelo Tricolor são compatíveis com a economia do Estado.

 

Voltando à nossa questão e nos reportando à importância do torcedor se associar, temos que o Fortaleza terá no mínimo 30 jogos como mandante,  no ano em curso, considerando-se apenas o Estadual e a Série B. Dividindo-se o valor da menor mensalidade, R$. 39,99 por 30, temos um preço médio de R$. 13,33 por partida, o que é uma bagatela.

 

 

O argumento de que existem outras despesas não se sustenta porque elas são as mesmas para o sócio e para o não-sócio, como deslocamento, aperitivos, etc. de modo que, se o valor da entrada é de R$. 30,00 e sendo sócio sai por apenas 13,33 a economia, em cada jogo será de R$. 16,67 que, em termos  percentuais,  representam 55% de economia. Isso sem falar nas inúmeras vantagens de cada modalidade que podem ser visualizadas no site. www.sociofortaleza.

 

Outra reclamação ainda nessa linha diz respeito à cobrança de ingresso para a apresentação do Rogério Ceni e é preciso que haja coerência, especialmente entre os críticos de plantão, que cobram times bons nas redes sócias, mas que viram o rosto quando a conta é apresentada.

 

O Fortaleza para formar um bom elenco necessita de dinheiro agora, pois passará três meses sem rendas de bilheterias. Qualquer jogador, no ato da contratação recebe uma importância, chamada simbolicamente de luvas, que corresponde ao último salário do contrato, uma espécie de segurança e já falei sobre isso Ora, se o Fortaleza não tiver dinheiro, como vai pagar as luvas? Se queremos um bom time temos que nos associar agora. Essa é a hora de colaborar.

 

Pensamento do Dia – Na história da humanidade (e dos animais também) aqueles que aprenderam a colaborar e improvisar foram os que prevaleceram. (Charles Darwin).

 

Por hoje c’est fini.    

 

 

 

Please reload

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
POR TRÁS DO BLOG
Advíncula Nobre

Advíncula Nobre, colaborava com o site Razão Tricolor e quando esse encerrou, passei a colaborar com os Leões da Caponga, que também encerrou as atividades, quando então ainda residindo em Guarabira (PB), resolvi criar o site para publicar a Coluna do Nobre, que eu já publicava no Leões da Caponga. Isso aconteceu há cerca de 11 (onze) anos. Sou formado em História pela Universidade Estadual da Paraíba, turma de 1989 e funcionário aposentado do Banco do Brasil. Torço pelo Fortaleza Esporte Clube desde Outubro de 1960 e comecei a frequentar o Estádio Presidente Vargas, na condição de menino pobre na "hora do pobre". O estádio abria 15 minutos antes do término da partida para que os menos favorecidos tivessem acesso. Foi assim que comecei a torcer pelo Fortaleza. Morei em Guarabira (PB) por 27 anos e sempre vinha assistir a jogos do meu time. Guarabira (PB) dista 85 Km de João Pessoa capital Paraíbana e 650 km de nossa cidade Fortaleza (CE). Também morei em Patos (PB), Pau dos Ferros (RN), Nova Cruz (RN) União (PI) e Teresina (PI). Também cursei Administração de Empresas e Direito, em virtude de transferências, não terminei essas duas faculdades. Era o meu emprego e o pão de cada dia ou as faculdades.