Desenvolvido por:

(88) 9 9776 7362

© 2016 por "Fortaleza Sempre". Orgulhosamente criado com Go Gestor

FORTALEZA: SE CORRER PEGA O FLORESTA E SE FICAR PEGA O CEARÁ

19 Mar 2018

 

Os jogos da quarta e penúltima rodada,   assim como os embates que complementaram a primeira  rodada da segunda fase foram excelentes para o Floresta que, em duas intervenções, contra Fortaleza e Ferroviário, dois grandes clubes do nosso futebol, amealhou 6 pontos, ou 100% de aproveitamento, assumindo a primeira colocação esta etapa.

 

O Ceará vem em segundo lugar com 4 pontos em 6 possíveis, apresentando um desempenho de 66,6%. Também em disputa de 6 pontos, o Uniclinic e o Ferroviário, que somaram 2 pontos, ostentam um percentual de desempenho de 33,3% e vêm em terceiro e quarto lugares respectivamente.

 

O Iguatu e o Fortaleza, que fizeram apenas uma partida,  tiveram desempenhos diferentes. O Iguatu empatou heroicamente com o  Ceará e conquistou 1 ponto em 3 prováveis, aprestando um percentual de aproveitamento de 33,3%, enquanto o Fortaleza atuou apenas numa partida, perdendo de 1 x 0 para o Floreta, apresentando um percentual de desempenho igual a zero.

 

Em termos de percentuais vimos que o Floresta foi o grande vencedor e o Fortaleza o pior, mas em termos de classificação para a próxima fase, qual foi o time que se deu bem e o mais prejudicado?  O Iguatu que praticamente se encontrava fora da disputa, em razão da goleada sofrida pelo Ferroviário, entrou novamente no páreo e pode conseguir a vaga, desde que vença o Uniclinic, na última rodada dentro de casa e com o apoio da sua torcida.

 

O Ferroviário foi o grande perdedor, uma vez que só um milagre o colocará nas semifinais. Em razão da derrota caiu para a última posição, permanecendo com 2 pontos, com apenas 2 gols marcados e um saldo negativo de 6 gols. Para se classificar terá que vencer ao Fortaleza de goleada e torcer pelo empate entre Iguatu e Uniclinic.

 

O Iguatu está numa situação privilegiada, vez que em todo o campeonato perdeu apenas uma partida em casa, para o Floresta, por 2 x 0 e fará um jogo de 6 pontos contra o Uniclinic,  e em vencendo,  dificilmente será suplantado pelo Ferroviário.

 

A situação também não foi das melhores para o Fortaleza que ao perder para o Floresta e tendo o Ceará vencido o Uniclinic, caiu para a terceira colocação, estando classificado, mas tendo que fazer uma semifinal, provavelmente contra o Ceará,   e sem qualquer vantagem.

 

A possibilidade do Fortaleza ser terceiro lugar, ou até mesmo segundo é muito grande, vez que vencendo ao Ferroviário, só poderá chegar a 10 pontos e mesmo que o Floresta perca para o Ceará e permaneça com 10, o Tricolor leva desvantagem no saldo de gols, 6 contra 2, indiscutivelmente uma diferença significativa. Perde também nos gols marados, 6 contra 4.

 

A hipótese do Fortaleza jogar com o Floresta só acontecerá se o Ceará vencer, posto que assumiria a primeira colocação, defenestrando o oponente para a segunda posição, digladiando-se, provavelmente contra o Iguatu ou Uniclinic, com o Ferroviário correndo por fora, numa luta quase sem quartel.

 

Nesse caso o Fortaleza ficaria em terceiro e decidira a vaga para a final contra o Floresta que levaria para as semifinais a vantagem do empate, por ter melhor campanha na segunda fase, de acordo com o artigo 15 do REC, no seu parágrafo único.

 

Esse artigo, no seu parágrafo versa o seguinte:  Em caso de empate em pontos e em saldo de gols na semifinal, o time de melhor campanha na segunda fase estará classificado. Nesse momento os clubes beneficiados por esse artigo são Floresta e Ceará.

 

Em razão da boa campanha do Fortaleza no campeonato, em que apresentava um percentual de aproveitamento de 72,2% em momento algum cogitávamos que chegaríamos à última rodada fazendo contas e preocupados com o adversário das semifinais. Vamos torcer para o clube encontrar o caminho e o ponto do doce, pois só assim estará preparado para o que der e vier, pois uma coisa é certa: Ceará ou Floresta, este com menores possibilidades, estarão no nosso caminho nessas semifinais.

 

Pensamento do Dia – A única arma capaz de combater a violência é a inteligência. (Nagib Anderáos Neto).

 

Por hoje c’est fini.  

Please reload

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
POR TRÁS DO BLOG
Advíncula Nobre

Advíncula Nobre, colaborava com o site Razão Tricolor e quando esse encerrou, passei a colaborar com os Leões da Caponga, que também encerrou as atividades, quando então ainda residindo em Guarabira (PB), resolvi criar o site para publicar a Coluna do Nobre, que eu já publicava no Leões da Caponga. Isso aconteceu há cerca de 11 (onze) anos. Sou formado em História pela Universidade Estadual da Paraíba, turma de 1989 e funcionário aposentado do Banco do Brasil. Torço pelo Fortaleza Esporte Clube desde Outubro de 1960 e comecei a frequentar o Estádio Presidente Vargas, na condição de menino pobre na "hora do pobre". O estádio abria 15 minutos antes do término da partida para que os menos favorecidos tivessem acesso. Foi assim que comecei a torcer pelo Fortaleza. Morei em Guarabira (PB) por 27 anos e sempre vinha assistir a jogos do meu time. Guarabira (PB) dista 85 Km de João Pessoa capital Paraíbana e 650 km de nossa cidade Fortaleza (CE). Também morei em Patos (PB), Pau dos Ferros (RN), Nova Cruz (RN) União (PI) e Teresina (PI). Também cursei Administração de Empresas e Direito, em virtude de transferências, não terminei essas duas faculdades. Era o meu emprego e o pão de cada dia ou as faculdades.