Desenvolvido por:

(88) 9 9776 7362

© 2016 por "Fortaleza Sempre". Orgulhosamente criado com Go Gestor

EM 2019 QUE NASÇA EM NÓS UM HOMEM NOVO!

 

EM 2019 QUE NASÇA EM NÓS UM HOMEM NOVO!

 

Hoje não vou falar de futebol. Vou falar de esperança!  Esperança e futebol, contudo caminham juntos, isto porque a cada fim de ano e no começo de uma nova era queremos novos tempos e novas conquistas tanto no campo pessoal, como para o nosso amado time.

 

E nesse caso valemo-nos de mais umas das virtudes teologais, a Fé, sem a qual as nossas esperanças são vãs e não chegaremos a lugar nenhum e muito menos a Deus.

 

Para chegarmos a Deus teremos que praticar   durante o ano inteiro e no decorrer de toda a nossa vida outra virtude, a Caridade, que é sinônimo de amor e que vem de Deus,   porque Deus é Amor!

 

São Paulo nos ensina, na sua primeira carta aos Coríntios que “a caridade é paciente, a caridade é benigna; não é invejosa, não é altiva nem orgulhosa; não é inconveniente, não procura o próprio interesse; não se irrita, não guarda ressentimento; não se alegra com a injustiça, mas alegra-se com a verdade; tudo desculpa, tudo crê, tudo espera, tudo suporta”. Se seguirmos esses ensinamentos no Novo Ano estaremos praticando a Caridade.

 

Então para termos um Ano Novo de Paz, não podemos perder a Fé; há que praticarmos a Caridade, sem jamais perder a Esperança de dias melhores, em um Novo Tempo, que está chegando, especialmente dentro de nós.

 

Para chegarmos a esse Novo Tempo, devemos buscar a   Deus, contarmos com o seu apoio para guiar os nossos passos em direção a um futuro desconhecido, como se fora o “mar tenebroso”, mas antes temos que nos encontrar dentro de nós mesmos. E esse encontro só será possível se tivermos Deus no Coração.

 

Cristo nos ensinou que o Reino dos Céus não está aqui, nem ali e nem acolá está dentro de nós mesmos, dentro do nosso coração. Fácil de encontrar se  nos encontrarmos, se nos apegarmos um pouco menos às coisas materiais e cultivarmos e priorizarmos as coisas espirituais.

 

Então para construirmos esse Mundo que desejamos, temos que ter Deus no coração e nos conscientizarmos que o que é do Mundo no Mundo fica. Temos que contribuir para que os nossos amigos, a nossa comunidade, a nossa sociedade se volte mais para Deus. Em isso acontecendo semearemos o Amor e a Paz.

 

Não teremos verdadeiramente um   Ano Novo se continuarmos   sendo um “homem velho”   se não nascermos de novo a cada amanhecer. Não teremos um Ano Novo se não deixarmos os nossos ressentimentos para trás e se não procurarmos nos redimir dos nossos erros que são muitos. “Aquele que nunca errou que seja o primeiro a atirar uma pedra!”

 

Para sermos um Homem Novo temos que sair de nós mesmos e irmos em busca do nosso irmão. São João, o Evangelista nos diz que:  Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu?

 

Esse é o segredo. Para termos o Ano Novo temos que ser um Homem Novo e um Homem Novo ama o seu irmão, com quem convive todos os dias.

 

Não precisamos nascer de novo para sermos um homem novo. Seremos um homem novo a partir do momento em que colocarmos a solidariedade e o amor ao nosso próximo em primeiro lugar.

 

Sinto tristeza quando vejo irmãos de sangue ou não, brigando, por vezes por coisas tão banais. A vida é muito mais do que uma desavença, um desencontro. A vida tem que ser um encontro de almas e destas com Deus.

 

Em 2019 tiremos o ódio do coração e em seu lugar coloquemos o Amor, pois somente desta forma construiremos um Ano Novo de Paz, de Harmonia e de Prosperidade.

 

Não construiremos o novo tempo e não teremos um Ano Novo se não estivermos   ombreados com Deus e se não tivermos hombridade para com os nossos irmãos. Cada um tem que fazer a sua parte. Vou começar a fazer a minha.  Feliz 2019!

 

À demain!

 

 

Please reload

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
POR TRÁS DO BLOG
Advíncula Nobre

Advíncula Nobre, colaborava com o site Razão Tricolor e quando esse encerrou, passei a colaborar com os Leões da Caponga, que também encerrou as atividades, quando então ainda residindo em Guarabira (PB), resolvi criar o site para publicar a Coluna do Nobre, que eu já publicava no Leões da Caponga. Isso aconteceu há cerca de 11 (onze) anos. Sou formado em História pela Universidade Estadual da Paraíba, turma de 1989 e funcionário aposentado do Banco do Brasil. Torço pelo Fortaleza Esporte Clube desde Outubro de 1960 e comecei a frequentar o Estádio Presidente Vargas, na condição de menino pobre na "hora do pobre". O estádio abria 15 minutos antes do término da partida para que os menos favorecidos tivessem acesso. Foi assim que comecei a torcer pelo Fortaleza. Morei em Guarabira (PB) por 27 anos e sempre vinha assistir a jogos do meu time. Guarabira (PB) dista 85 Km de João Pessoa capital Paraíbana e 650 km de nossa cidade Fortaleza (CE). Também morei em Patos (PB), Pau dos Ferros (RN), Nova Cruz (RN) União (PI) e Teresina (PI). Também cursei Administração de Empresas e Direito, em virtude de transferências, não terminei essas duas faculdades. Era o meu emprego e o pão de cada dia ou as faculdades.