Desenvolvido por:

(88) 9 9776 7362

© 2016 por "Fortaleza Sempre". Orgulhosamente criado com Go Gestor

O FORTALEZA TEM TÍTULOS OFICIAIS DE CAMPEÃO DO NORTE E NORDESTE.

29 May 2019

 

 

O FORTALEZA TEM TÍTULOS OFICIAIS DE CAMPEÃO DO NORTE E NORDESTE.

 

 

A imprensa tem falado que o Fortaleza e o Botafogo nunca conquistaram o Nordestão, assertiva com a qual não concordamos, visto que o Fortaleza tem títulos reconhecidos pela CBF e outros não reconhecidos, pelos quais a Liga do Nordeste está lutando pelo reconhecimento.

 

No formato atual o Fortaleza ainda não venceu, contudo, o primeiro certame regional, que teve o nome de Copa Cidade de Natal, reconhecido como o primeiro torneio do Nordeste, foi conquistado pelo Tricolor em 1946, cuja decisão ocorreu em 1947, ano em que nasci.

 

Consoante pesquisas a Copa Cidade de Natal reuniu os campeões dos estados do Ceará, Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte, respectivamente Fortaleza, América (PE), Treze e América (RN) e se constituiu no primeiro campeonato regional.

 

Foi disputada em Natal, como comemoração da inauguração do Estádio Juvenal Lamartine e a decisão ocorreu entre América (RN) e Fortaleza. A primeira partida realizada em 18 de maio de 1947 terminou empatada em 2 x 2 e na segunda ocorrida em 21 de maio o Fortaleza venceu por 3 x 1.

 

Em 1970 foi realizado mais um Torneio Norte e Nordeste, dividido em grupos e subgrupos, ressalvando que o nosso rival não logrou a classificação para o Quandr5angular Final, ficando na penúltima posição do Hexagonal Final.

 

O Quadrangular Final foi disputado por Fortaleza, Sport Recife, Fast Club e Tuna Luso, sendo essa a ordem da classificação final, evidenciando apenas que o Fortaleza e o Sport terminaram empatados, ambos com 7 pontos, mas o Tricolor de Aço foi campeão pelos critérios de desempate.

 

O Torneio Otávio Pinto Guimarães, competição realizada em 1986, com o fito de preencher uma grande lacuna no já desorganizado calendário nacional e  que levou o nome do então presidente da CBF, foi disputada em jogos de ida e volta  por América/RN, Alecrim/RN, Ferroviário, Botafogo/PB, Fortaleza e Campinense/PB.

 

A final ocorreu tão somente em 1987 e foi genuinamente cearense, visto que reuniu Fortaleza e Ferroviário. O Fortaleza sagrou-se campeão ao derrotar na finalíssima o Ferroviário por 2 x 0.

 

Os títulos de  Campeões do Nordeste e do Norte-Nordeste, oficiais e não-oficiais, no total de 38, por cujo reconhecimento a Liga do Nordeste está lutando, através do seu presidente Alexi Portela, não obstante o descaso da CBF, estão assim distribuídos:

Bahia –                                      7 títulos

Náutico, Vitória e Sport -           5

Fortaleza e Ceará:                    4

Santa Cruz:                               3

América-RN:                             2

Ypiranga, CRB e Campinense: 1

 

O Fortaleza vencendo hoje, e que Deus nos ajude, chegará a 5 títulos e empatará com Náutico, Sport e Vitória que têm 5. Na eventualidade de o Botafogo vencer, hipótese com a qual não trabalhamos,     igualar-se-á ao seu rival Campinense, que tem um título.

 

Os zonais conquistados pelo Fortaleza em 1960 e 1968, o credenciaram a disputar o título da Taça Brasil nos citados anos, contra Palmeiras e Botafogo que se sagraram campeões, ficando o Tricolor, obviamente como vice.  Ressalte-se que a Taça Brasil foi reconhecida pela CBF como Campeonato Brasileiro.

 

Por hoje c’est fini.

 

 

 

Please reload

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
POR TRÁS DO BLOG
Advíncula Nobre

Advíncula Nobre, colaborava com o site Razão Tricolor e quando esse encerrou, passei a colaborar com os Leões da Caponga, que também encerrou as atividades, quando então ainda residindo em Guarabira (PB), resolvi criar o site para publicar a Coluna do Nobre, que eu já publicava no Leões da Caponga. Isso aconteceu há cerca de 11 (onze) anos. Sou formado em História pela Universidade Estadual da Paraíba, turma de 1989 e funcionário aposentado do Banco do Brasil. Torço pelo Fortaleza Esporte Clube desde Outubro de 1960 e comecei a frequentar o Estádio Presidente Vargas, na condição de menino pobre na "hora do pobre". O estádio abria 15 minutos antes do término da partida para que os menos favorecidos tivessem acesso. Foi assim que comecei a torcer pelo Fortaleza. Morei em Guarabira (PB) por 27 anos e sempre vinha assistir a jogos do meu time. Guarabira (PB) dista 85 Km de João Pessoa capital Paraíbana e 650 km de nossa cidade Fortaleza (CE). Também morei em Patos (PB), Pau dos Ferros (RN), Nova Cruz (RN) União (PI) e Teresina (PI). Também cursei Administração de Empresas e Direito, em virtude de transferências, não terminei essas duas faculdades. Era o meu emprego e o pão de cada dia ou as faculdades.